9 de set de 2010

A comida sobrou.E agora?

Eu já estava lembrando de algumas ações sustentáveis na cozinha porque li um tema aberto por Faby (do Rainhas do Lar) no Forum de Sustentabilidade Oetker. Aí me deparei com este tuite:
RT @psustentavel: A comida sobrou, e agora? http://bit.ly/aioANY Alternativas para evitar o desperdício

Segundo a matéria, a revista Veja selecionou seis refeições comuns na mesa dos brasileiros e pediu a nutricionistas e chefs orientações sobre o que pode ou não ir ao congelador sem restrição. "Eles também dão dicas de como reaproveitar pratos prontos que não ficam bons no freezer. Ah, sim, a regra número 1 dos congelados: use sempre embalagens de vidro ou plástico, bem vedadas, e etiquete cada recipiente com a data do preparo."


LASANHA
Pode ser congelada? Sim
Modo de congelar: armazene a lasanha em potes de vidro ou plástico. Para amenizar um possível ressecamento da massa - as industrializadas são mais suscetíveis do que as frescas -, acrescente um novo molho quando reaquecer o prato
As melhores massas para congelar: as recheadas, como capelete e ravióli, sofrem pouca alteração de cor e textura
As piores massas para congelar: as industrializadas sem recheio, como o espaguete e o talharim, são as que mais perdem qualidade quando reaquecidas
Validade no freezer: três meses
Se a ideia é reaproveitar: não existe nada que se possa fazer com ela. O jeito é congelar mesmo


SELETA DE VERDURAS E LEGUMES COM VAGEM, CENOURA, BETERRABA, BRÓCOLIS, COUVE-FLOR, ERVILHA E MILHO VERDE
Pode ser congelada? Sim
Modo de congelar: se os alimentos estiverem crus, coloque-os por um minuto em água fervente. Em seguida, submeta-os a um choque térmico de três minutos em água com gelo. "Isso inibe a ação de enzimas que deterioram o alimento e ajuda a manter sua cor e textura", explica Juliana Simões, nutricionista do Hospital do Coração, de São Paulo. Segundo a nutricionista Suzana Freitas, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, o ideal é congelá-los em pedaços grandes. Embalagens de alumínio são bem-vindas nesse caso: protegem o alimento da ação da umidade e da luz. Na hora de consumir, retire a seleta do freezer e coloque-a imediatamente em água fervente
Os melhores legumes para congelar: vagem, cenoura, beterraba, brócolis, couve-flor, ervilha e milho
Os piores legumes para congelar: chuchu, abobrinha, batata e mandioquinha. "Alimentos com muita água ou amido ficam borrachudos e perdem o sabor", explica Juliana
Validade no freezer: dois meses
Se a ideia é reaproveitar: com exceção da beterraba, que solta muita cor, o resto da seleta pode virar uma nutritiva sopa ou uma quiche "primavera"


FILÉ DE PEIXE COM MOLHO DE CAMARÃO
Pode ser congelado? Sim, mas por pouco tempo
Modo de congelar: mais delicadas, as carnes de peixe contêm mais água entre as fibras e perdem estrutura quando descongeladas. Por isso, o ideal é mantê-las o menor tempo possível no freezer e armazenar os filés separados do molho
Os melhores peixes para congelar: os mais firmes, como atum e salmão, resistem melhor
Prazo de validade: um mês
Para reaproveitar: a dica, aqui, é fazer um suflê ou uma fritada de peixe com camarão


ESTROGONOFE
Pode ser congelado? De preferência, sem o creme de leite
Modo de congelar: a melhor forma de preservar o sabor e a textura do estrogonofe após o descongelamento é levando-o ao freezer semipronto, antes de acrescentar o creme de leite - que pode talhar no congelador, principalmente em grande quantidade. "Quando o creme já estiver misturado ao molho, leve o alimento ao congelador o mais rapidamente possível, em pequenas porções", diz a nutricionista Daniela Jobst
Validade no freezer: três meses
Se a ideia é reaproveitar: "Transforme em um talharim com molho de estrogonofe", ensina a chef Andréa Tinoco, do bufê Andréa Tinoco


CARNE OU FRANGO ASSADOS
Podem ser congelados? Sim
Modo de congelar: carnes como maminha e lagarto podem ser levadas ao freezer ainda mornas, embaladas em um filme plástico.
Postar um comentário

Quem cozinha e conversa?

O blog surgiu da vontade de falar de comida, bebida e alimentação saudável, coisas que estão sempre em pauta na nossa cozinha, nos reuniu desde 2009 numa conversa online, como fazia com os papos nas cozinhas de amigos e os eventos deliciosos de gastronomia dos quais este blog tem participado. Tudo isso está aqui, temperado pela vontade de trocar ideias e aprender. Se você também gosta de um papo de cozinha, puxe uma cadeira e junte-se a nós.

E se quiser conversar com a gente: cozinhaconversa@gmail.com

Google+ Badge

Siga-nos no Twitter @conversacozinha