23 de mai de 2011

Estação Baião de Dois (São Cristóvão, Rio) #semanaotimismo

 Estação Baião de Dois, comida nordestina, #semanaotimismo, Viva Positivamente, comida nordestina,  fotos de @blogdati - fotos de @doeseulixo

Quem me acompanhou nas duas viagens que fiz a Pernambuco sabe que adoro comida nordestina. Não sarapatel ou buchada de bode, que, admito, nunca tive coragem de provar. Mas a comidinha mais de todo dia, sabem? Esta é minha perdição.

 Estação Baião de Dois, comida nordestina, #semanaotimismo, Viva Positivamente, comida nordestina,  fotos de @blogdati - fotos de @gnsbrasil

Eis que na visita que fiz com um grupo de blogueiros à ONG Doe Seu Lixo, no Rio de Janeiro, na Semana Otimismo que Transforma, eu fui convidada a almoçar em São Cristóvão, no Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas. Nem preciso falar como foi incrível, né? As imagens falam por mim.

 Estação Baião de Dois, comida nordestina, #semanaotimismo, Viva Positivamente, comida nordestina,  fotos de @blogdati

E o local escolhido foi a Estação Baião de Dois, um restaurante que super recomendo. As comidas são servidas em porções megagenerosas e o local é muito simpático, temático sim, mas com um quê divertido. O prato acima, juro, era para 4 pessoas, mas parecia que serviria umas dez!

Abaixo tem algumas informações que achei no site do restaurante:

Conhecida pelo seu colorido, variedade e sabor, a cozinha nordestina tem suas raízes mergulhadas no tempo da colonização, quando aqui chegaram os primeiros portugueses.

A mistura dos aromas, variedades de alimentos (frutas, peixes, carnes) juntamente com a “nordestinalidade” , apresentaram o diferencial desta culinária regional aos portugueses.

Apresentando-se como um exímio nordestino e amante de toda nossa cultura, em 1997, o Sr. Francisco de Farias - mais conhecido como Chiquinho - juntamente com seu sócio Peninha em viagem ao nordeste, apresentou-se maravilhado e deslumbrado com esta diversidade. De volta ao Rio de Janeiro inaugura o restaurante nordestino Estação Baião de Dois.

A casa foi inaugurada no bairro mais boêmio do Rio de janeiro: Vila Isabel, sendo muito bem recebida pelos amigos de Noel Rosa. Inicialmente nosso cardápio apresentava nove pratos dos estados nordestinos, mantendo sua originalidade, mas com um “oxente” a mais: a assinatura Estação Baião de Dois. Estabelecendo rapidamente sua qualidade, atendimento, sabor e decoração.

Após seis anos da mistura de arrasta pé com samba, o Estação Baião de Dois participa do projeto de transformar o pavilhão de São Cristovão em uma feira nordestina. Assim, em 2003 o Estação Baião de dois passou a integrar o maior pólo cultural e gastronômico nordestino do Rio de Janeiro.
Postar um comentário

Quem cozinha e conversa?

O blog surgiu da vontade de falar de comida, bebida e alimentação saudável, coisas que estão sempre em pauta na nossa cozinha, nos reuniu desde 2009 numa conversa online, como fazia com os papos nas cozinhas de amigos e os eventos deliciosos de gastronomia dos quais este blog tem participado. Tudo isso está aqui, temperado pela vontade de trocar ideias e aprender. Se você também gosta de um papo de cozinha, puxe uma cadeira e junte-se a nós.

E se quiser conversar com a gente: cozinhaconversa@gmail.com

Google+ Badge

Siga-nos no Twitter @conversacozinha