15 de mai de 2015

Faça a sua revolução da comida!


Hoje celebramos, se é que podemos dizer assim, o Food Revolution Day 2015, movimento idealizado por Jamie Oliver em prol da adoção global nos currículos escolares da educação para alimentação.

Se pararmos para refletir essa é uma ideia maravilhosa. 
A revolução nessa história toda, vai além das práticas que levem a uma alimentação rica e equilibrada nutricionalmente pois nos fazem refletir sobre como impactamos o mundo com nossos hábitos alimentares. 

Imagine você que nos primórdios, os homens deixaram de morar nas cavernas e passaram a ser nômades, povoando todos os quatro cantos do planeta Terra para correr atrás alimentação farta, variada, associado à abundância de água. 

Outro movimento global, foi a fixação dos homens em determinadas regiões, inciando as primeiras civilizações a partir do domínio das técnicas de agricultura e cultivo do solo. Se hoje somos seres humanos que evoluímos física e intelectualmente, foi graças aos alimentos e ao equilíbrio da dieta, mesclando carnes, cereais e vegetais. Devemos aos alimentos também o desenvolvimento das sociedades e das relações humanas.

Se levamos em consideração só esses dois fatos históricos, não devemos menosprezar o poder que um movimento que tem os alimentos como força geradora e agregadora pode representar para o futuro do planeta.



Educar as novas gerações é fundamental para garantir a sustentabilidade dos seres humanos na Terra. 


Imagine que em 2050 seremos mais de 9 bilhões de pessoas vivendo do mesmo solo e com cada vez menos água. 

Como poderemos sobreviver num planeta com mais gente? 

Precisaremos abrir novas fronteiras agrícolas em países africanos e expandir as terras agricultáveis em países como o Brasil? 

Talvez.

Mas certamente educar as pessoas para a importância dos recursos alimentares, como por exemplos criar mecanismos para conter o desperdício de alimentos que hoje somam 30% de tudo o que é produzido já seria suficiente para alimentar, em tese, mais de 2 bilhões de pessoas.

Acho que vale o empenho. Pensem sobre o assunto.

Postar um comentário

Quem cozinha e conversa?

O blog surgiu da vontade de falar de comida, bebida e alimentação saudável, coisas que estão sempre em pauta na nossa cozinha, nos reuniu desde 2009 numa conversa online, como fazia com os papos nas cozinhas de amigos e os eventos deliciosos de gastronomia dos quais este blog tem participado. Tudo isso está aqui, temperado pela vontade de trocar ideias e aprender. Se você também gosta de um papo de cozinha, puxe uma cadeira e junte-se a nós.

E se quiser conversar com a gente: cozinhaconversa@gmail.com

Google+ Badge

Siga-nos no Twitter @conversacozinha