1 de abr de 2016

Como usar a sálvia nas suas receitas


Sálvia é daqueles temperos frescos que nunca falta na nossa cozinha e que também aprendemos a gostar porque a vovó comprava - mas usava pouco, como a maioria das avós brasileiras! 

Morar fora ensinou ora gente os truques e estar na Mooca ajuda, pois quando nosso caso está na entressafra, têm fácil pra comprar na feira livre.

Saiba mais dessa ligação da sálvia com a comida italiana:

A sálvia aparece com frequência na cozinha italiana e, em menor escala, na cozinha provençal do sul da França. 

Apesar de atualmente ser encontrada mais facilmente em feiras livres e alguns supermercados, a sálvia ainda não é uma erva comum entre os brasileiros. 

Como não é uma erva muito popular, quem prova o prato nem sempre consegue identificá-la, mas sabe que ali há algum ingrediente que confere muito mais complexidade de sabor ao prato.



✔️Características: 
De folhas longas e aveludadas, a sálvia tem um sabor forte mas ao mesmo tempo refrescante, que se assemelha levemente ao alecrim. 

✔️Como usar: 

Sempre fresca, pois a sálvia seca perde praticamente todo o seu aroma. Basta adicioná-la à comida, seja no início do preparo, no final, ou um pouco nos dois momentos. Desse modo, ela sempre liberará o máximo de seu aroma e sabor.  Também não podemos cortá-la muito antes de usar para que não escureça e perca suas características. Em geral, a sálvia libera o máximo de sabor e aroma quando aliada a um tipo de óleo ou gordura, como azeite e manteiga. E como todo risoto leva um bocado de manteiga, ela fica perfeita nessa preparação. 

✔️Combinações clássicas: 
Carne de porco, vitela, frango, pato, ganso, peru, grãos, ovos e marinadas. 

Curiosidade sobre o cultivo de sálvia. No nosso vaso (volte algumas fotos, deve ter registro do plantio) colocamos o que queríamos ter à mão na pia. 

Daí salsinha e cebolinha entraram no vaso com sálvia e manjericão, por exemplo. Em pouco tempo notamos que as cebolinhas não estavam felizes lá e desistimos de replantar.

Descobri que existem plantas que são consideradas companheiras e se desenvolvem bem quando plantadas juntas, e plantas antagônicas, que acabam inibindo o crescimento de outras. 

Quais são as plantas consideradas companheiras da sálvia? 

O alecrim, morango e cenoura. Já a cebola é uma antagonista, ou seja, não deve estar presente no mesmo canteiro, vaso ou jardineira.

 (informações daqui https://viveirosabordefazenda.wordpress.com/2014/07/31/salve-a-salvia/)

Siga a gente: snapchat.com/add/cozinhaconversa | fb.com/cozinhaconversa | twitter.com/cozinhaconversa | conversasdecozinha.com.br #conversasdecozinha
Postar um comentário

Quem cozinha e conversa?

O blog surgiu da vontade de falar de comida, bebida e alimentação saudável, coisas que estão sempre em pauta na nossa cozinha, nos reuniu desde 2009 numa conversa online, como fazia com os papos nas cozinhas de amigos e os eventos deliciosos de gastronomia dos quais este blog tem participado. Tudo isso está aqui, temperado pela vontade de trocar ideias e aprender. Se você também gosta de um papo de cozinha, puxe uma cadeira e junte-se a nós.

E se quiser conversar com a gente: cozinhaconversa@gmail.com

Google+ Badge

Siga-nos no Twitter @conversacozinha